Repositório Institucional UNIFRAN Dissertações Mestrado em Promoção de Saúde
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/659
Tipo: Dissertação
Título: O relacionamento com o professor e sua influência no processo ensino-aprendizagem: percepção de alunos do curso de graduação em enfermagem
Título(s) alternativo(s): The relationship with the teacher and its influence on the teaching-learning process: perception of undergraduate nursing students
Autor(es): Souza, Mônica Dilene de
Primeiro Orientador: Cardoso, Sonia Maria Vicente
Resumo: O presente estudo trata-se de uma pesquisa aplicada a um grupo de alunos do Curso de Graduação em Enfermagem de um centro universitário do interior paulista situado no Município de Ribeirão preto. O relacionamento professor-aluno, embora complexo, é eixo fundamental e parte integrante do processo educativo, bem como fundamental para o desenvolvimento pessoal e psofissional. Este estudo foi realizado com o intuito de levar contribuições para que alunos e professores, juntos, tentem através do relacionamento estabelecido entre eles descobrir meios, que estimulem e facilitem o processo ensino-aprendizagem. Teve como objetivos caracterizar sob a percepção do aluno o seu relacionamento com o professor e avaliar a influência que esta relação tem no processo ensino-aprendizagem. Os dados foram obtidos através de um questionário estruturado adaptado, respondido por 156 alunos. Para análise dos dados utilizou-se a estatística descritiva ficando evidenciado que os aspectos afetivos da relação professor-aluno têm viabilizado o processo ensino-aprendizagem. A partir dos resultados obtidos, constatou-se que os sujeitos pesquisados descrevem o professor como um facilitador do aprendizado; alguém preocupado com o aprendizado do aluno; capaz de proporcionar um clima de convivência agradável e um processo ensino-aprendizagem enriquecedor e que atende às expectativas do aluno. Oportuniza ao aluno espaço, onde este se sente participante, motivado, à vontade e seguro, tornando-se mais crítico, mais exigente e estudioso. Os sujeitos apontam como atitudes bloqueadoras para o aprendizado e apresentadas com frequência pelo docente: a manifestação de preferência por alguns alunos; a impaciência frente às suas falhas; quando desconsidera seus pontos de vista e/ou trata-o com ironia ou autoritarismo; como atitudes facilitadoras apontam: quando o encoraja a dar o máximo de si; permite a liberdade de expressão de idéias e sentimentos; respeita as diferenças de opinião e divide com ele a responsabilidade pela solução de problemas.
Abstract: This study is a research applied to a group of students of the Undergraduate Nursing Course at a university center in the interior of São Paulo, located in the city of Ribeirão Preto. The teacher-student relationship, although complex, is a fundamental axis and an integral part of the educational process, as well as fundamental for personal and psofessional development. This study was carried out with the intention of bringing contributions so that students and teachers, together, try through the relationship established between them to discover ways, which stimulate and facilitate the teaching-learning process. It aimed to characterize the relationship with the teacher under the student's perception and to evaluate the influence that this relationship has on the teaching-learning process. The data were obtained through an adapted structured questionnaire, answered by 156 students. For data analysis, descriptive statistics were used, showing that the affective aspects of the teacher-student relationship have enabled the teaching-learning process. From the results obtained, it was found that the subjects surveyed describe the teacher as a learning facilitator; someone concerned with the student's learning; able to provide a pleasant coexistence atmosphere and an enriching teaching-learning process that meets the student's expectations. It provides the student with a space, where he feels participant, motivated, at ease and secure, becoming more critical, more demanding and studious. The subjects point out as blocking attitudes for learning and frequently presented by the teacher: the manifestation of preference by some students; impatience in the face of failures; when he disregards his views and / or treats him with irony or authoritarianism; as facilitating attitudes point to: when it encourages you to do your best; allows freedom of expression of ideas and feelings; respects differences of opinion and shares responsibility for solving problems with it.
Palavras-chave: Relacionamento professor-aluno
Processo ensino-aprendizagem
Graduação em Enfermagem
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade de Franca
Sigla da Instituição: UNIFRAN
metadata.dc.publisher.department: Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Mestrado em Promoção de Saúde
Citação: SOUZA, Mônica Dilene de. O relacionamento com o professor e sua influência no processo ensino-aprendizagem: percepção de alunos do curso de graduação em enfermagem. Franca, 2005. 78 f. Dissertação (Mestrado em Promoção de Saúde) - Universidade de Franca. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/659
Data do documento: 2005
Aparece nas coleções:Mestrado em Promoção de Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Monica Dilene de Souza.pdf382.93 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.