Repositório Institucional UNIFRAN Dissertações Mestrado em Promoção de Saúde
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/595
Tipo: Dissertação
Título: Repercussões clínicas e histopatológicas do dimetilsulfóxido em gerbils submetidos a isquemia cerebral experimental
Título(s) alternativo(s): Clinical and histopathological repercussions of dimethyl sulfoxide in gerbils submitted to experimental cerebral ischemia
Autor(es): Penasso, Poliana
Primeiro Orientador: Castro, Márcio Botelho de
Resumo: O objetivo do presente estudo foi investigar as ações neuroprotetoras do dimetilsulfóxido nas alterações clínico-comportamentais e histopatológicas do encéfalo de gerbils submetidos à isquemia cerebral experimental através da oclusão permanente da artéria carótida comum esquerda. Os animais foram divididos em 5 grupos com 6 animais cada. Os animais controles foram os não operados (grupo I), falsos operados (grupo II - sham) e isquemiados não tratados (grupo III). Os animais que recebeam DMSO foram dos grupos IV e V. Trinta minutos antes da cirurgia experimental, 215mg/kg de DMSO a 10% foi administrado intraperitonealmente nos animais do grupo IV (DMSO I) e 645mg/kg de DMSO a 10% nos animais do grupo V (DMSO II). Sinais clínicos de lesão neurológica foram observados no 1° dia pós-isquemia. O comportamento motor exploratório foi avaliado atravpes da frequência de cruzamentos e levantamentos observados na arena circular durante os quatro dias subsequentes à isquemia. Eutanásia foi realizada no 7° dia pós-0isquemia para posterior análise histológica do encéfalo. Para análise estatística utilizou-se o teste ANOVA (significância estatística p<0,05). A taxa de mortalidade após a isquemia foi de 60% no grupo isquemiado não tratado, 33,4% no grupo DMSO I e 14,3% no grupo DMSO II. Os animais não tratados apresentaram sinais clínicos de lesão, como flexão da pata dianteira (hemiparesia), marcha espontânea em círculo e ptose palpebral. Os animais tratados (DMSO I e II) apresentaram apenas pstose palpebral. Os animais tratados (DMSO I e II) apresentaram maior frequência de cruzamentos no 2°, 3° e 4° dias em relação ao grupo isquemiado não tratado. O grupo DMSO I apresentou maior frequência de levantamentos no 2° e 4° dias e o grupo DMSO II em todos os dias de avaliação em relação ao grupo isquemiado não tratado. Os resultados histopatológicos evidenciaram extensas áreas de necrose de células nervosas no hipocampo e córtex frontal, parietal e temporal no grupo isquemiado não tratado. Nos animais tratados as áreas isquêmnicas foram reduzidas. O grupo DMSO II apresentou menor porcentagem de neurônios isnquêmicos hicocampais (46,1 + ou - 3,4) em relação ao grupo DMSO I (54,6 + ou - 11,7) e grupo isquemiado não tratado (71,17 + ou - 10). DMSO reduziu mortalidade pós-isquemia, permitiu melhor comportamento motor exploratório e reduziu lesões isquêmicas encefálicas, sugerindo efeito neuroprotetor para estes animais.
Abstract: The aim of the present study was to investigate the neuroprotective actions of dimethyl sulfoxide in the clinical-behavioral and histopathological changes of the gerbil brain undergoing experimental cerebral ischemia through permanent occlusion of the left common carotid artery. The animals were divided into 5 groups with 6 animals each. Control animals were non-operated (group I), false operated (group II - sham) and untreated ischemia (group III). The animals receiving DMSO were from groups IV and V. Thirty minutes before the experimental surgery, 215mg / kg of 10% DMSO was administered intraperitoneally in the animals of group IV (DMSO I) and 645mg / kg of 10% DMSO in the animals. group V (DMSO II). Clinical signs of neurological injury were observed on the 1st day after ischemia. Exploratory motor behavior was evaluated through the frequency of crossings and surveys observed in the circular arena during the four days following ischemia. Euthanasia was performed on the 7th day after ischemia for later histological analysis of the brain. For statistical analysis, the ANOVA test was used (statistical significance p <0.05). The mortality rate after ischemia was 60% in the untreated ischemic group, 33.4% in the DMSO I group and 14.3% in the DMSO II group. The untreated animals showed clinical signs of injury, such as flexion of the forelimb (hemiparesis), spontaneous circle walking and eyelid ptosis. The treated animals (DMSO I and II) presented only eyelid pstosis. The treated animals (DMSO I and II) showed a higher frequency of crossings on the 2nd, 3rd and 4th days compared to the untreated ischemic group. The DMSO I group showed a higher frequency of surveys on the 2nd and 4th days and the DMSO II group on all evaluation days in relation to the untreated ischemic group. Histopathological results showed extensive areas of necrosis of nerve cells in the hippocampus and frontal, parietal and temporal cortex in the untreated ischemic group. In the treated animals, the ischemic areas were reduced. The DMSO II group had a lower percentage of ischemic hicocampal neurons (46.1 + or - 3.4) compared to the DMSO I group (54.6 + or - 11.7) and the untreated ischemic group (71.17 + or - 10). DMSO reduced post-ischemic mortality, allowed better exploratory motor behavior and reduced ischemic brain injuries, suggesting a neuroprotective effect for these animals.
Palavras-chave: Dimetilsufóxido
Isquemia cerebral
Gerbil
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade de Franca
Sigla da Instituição: UNIFRAN
metadata.dc.publisher.department: Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Mestrado em Promoção de Saúde
Citação: PENASSO, Poliana. Repercussões clínicas e histopatológicas do dimetilsulfóxido em gerbils submetidos a isquemia cerebral experimental. Franca, 2005. 94 f. Dissertação (Mestrado em Promoção de Saúde) - Universidade de Franca. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/595
Data do documento: 2005
Aparece nas coleções:Mestrado em Promoção de Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Poliana Penasso.pdf997.56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.